Logo 4
UFJ
Atendimento cão

Reabertura do Hospital Veterinário da UFJ

O Hospital Veterinário da UFJ informa que retorna suas atividades no dia 02 de junho de 2020, para atendimentos de urgência e emergência.

O horário de funcionamento é de 7 às 13 horas, e os atendimentos serão agendados preferencialmente por telefone (64 3606-8324 e 99960-7050) e conforme capacidade de atendimento.

As atividades serão desenvolvidas seguindo as orientações do Plano de Contingência frente à pandemia do COVID-19 e de acordo com o decreto municipal nº 3.713 de 19 de abril de 2020.

Os tutores deverão usar máscaras durante todo o tempo que permanecerem nas dependências do Hospital Veterinário. 

ORIENTAÇÕES À COMUNIDADE GERAL

§ O Hospital Veterinário permanecerá aberto para atendimento de emergência, e urgência, sendo esta, preferencialmente por meio de agendamento por telefone, conforme capacidade de atendimento do órgão, a fim de evitar aglomerações. O atendimento aos casos considerados eletivos na triagem estão temporariamente suspensos, excetuando-se pacientes com doenças crônicas debilitantes que necessitem de reavaliação periódica. Tais animais serão atendidos mediante agendamento prévio, priorizando-se os pacientes em estado mais grave. Inicialmente o HV funcionará em turno reduzido de 6 horas diárias, e após 14 dias da abertura, observando a casuística de casos da COVID-19 na cidade, pode haver a expansão da jornada em 12 horas e retorno ao plantão noturno.

§ Diante da atual pandemia de coronavírus (COVID-19), avalie se o atendimento de seu animal é realmente necessário nesse momento, pois mesmo com as flexibilizações, as autoridades sanitárias recomendam que as pessoas que puderem, permaneçam em seus domicílios, e quando da necessidade, saiam de casa obedecendo normas sanitárias.

§ Está autorizado a presença de um único tutor (Acompanhante) para o paciente (animal). Os tutores que tiverem contato próximo a casos suspeitos ou confirmados de COVID-19, ou ainda com sintomas gripais, não deverão se deslocar até o hospital veterinário devendo, no período de 14 dias após o aparecimento dos sintomas, ficar em quarentena domiciliar e deverá procurar atendimento médico somente se apresentarem dificuldades respiratórias.

§ Recomenda-se que as pessoas enquadradas nos grupos de risco (idosos, gestantes, crianças e pessoas com doença crônicas) não se desloquem ao hospital veterinário, mesmo com medidas de proteção.
§ O tutor, ao chegar ao estacionamento do hospital veterinário, deve estar utilizando máscara, e deverá lavar as mãos e antebraços com água e sabão líquido nos banheiros externos disponíveis para os clientes ou ainda, na pia próxima a entrada da recepção. Só será permitida entrada de tutores/ acompanhantes que estiverem usando máscara.

§ Quando de colocação ou troca de máscaras, fazer isso com as mãos limpas e ajustar de forma que cubra a boca e o nariz, não tocando a máscara durante a realização do trabalho.

§ Serão disponibilizados álcool gel a 70% para a higiene das mãos nos corredores, na recepção, nas salas e nos consultórios.

§ Em caso de mais que um tutor chegar ao mesmo momento, devem ser respeitadas as linhas de distanciamento de 2 metros fora do hospital veterinário. 

§ Durante o atendimento, recomenda-se que seja mantida a distância mínima de 1,5m entre as pessoas e que seja respeitada a etiqueta respiratória (cobrir a boca quando tossir ou espirrar, lavar as mãos e antebraços regularmente, evitar tocar olhos, nariz e boca).

§ Quando um médico veterinário precisar reduzir o espaçamento entre colega ou tutor, esse, além de máscara, utilizará um protetor facial (face shield).

§ Não serão permitidas visitas aos animais internados (tanto em período parcial de internamento, quanto período integral) exceto para trazer alimentos ou medicamentos solicitados; as informações sobre os pacientes serão passadas por telefone.

 

Categorias: Capa Notícias